Doria recebe ameaças de morte e faz boletim de ocorrência

João Doria. Reprodução/Internet
João Doria. Reprodução/Internet

 Polícia protegeu casa do governador de SP

O governador de São Paulo, João Doria, recebeu ameaças de morte em seu celular e pelas redes sociais um dia após ele participar de reunião de governadores e repudiar o pronunciamento de presidente Jair Bolsonaro, sobre as medidas adotadas pelos governadores para combater o coronavírus.

Além das ameaças de morte, as mensagens falavam em invadir a casa de Doria, onde o governador vive com a família.

Doria registrou um boletim de ocorrência na noite desta quinta-feira (26) e a Polícia Civil vai investigar as ameaças. A casa do governador, localizada nos Jardins, foi cercada e protegida pela Polícia Militar (PM).

De acordo com o governo, há indícios de que os ataques teriam sido articulados pelo "gabinete do ódio", liderado pelo filho do presidente, Carlos Bolsonaro. 

Gente!!!

Fachada do governador João Doria em SP. Foto: Reprodução TV Globo
Fachada do governador João Doria em SP. Foto: Reprodução TV Globo
PM cerca casa de Doria após governador de SP receber ameaça de morte. Foto: Reprodução TV Globo
PM cerca casa de Doria após governador de SP receber ameaça de morte. Foto: Reprodução TV Globo