Caso Gugu: Rose Miriam teria assinado um contrato somente em 2011? Por que?

05/02/2020
Reprodução/Internet
Reprodução/Internet

Por Fernanda Alves

Tenho lido tantas, mas tantas ignorâncias nessa internet. Pessoas mal intencionadas, mal informadas, querendo apenas opinar o que não dominam. Eu, que não entendo nada, tive ao menos a curiosidade em pesquisar, assim faço.

Quando há contratos em comum acordo, não seria de praxe este ser assinado antes de 'fazer filhos', para que não haja nenhum desentendimento?

Vejo 'alguns' opinando, que até acredito ter feito Direito de tanto que "entende" de processos e leis, mas talvez tenha faltado na aula em que pessoas que assinam contratos apenas para ter filhos, é totalmente diferente de casais com suposto contrato, onde há exposição de "somos uma família, unida, sólida, feliz e também temos filhos". Casos diferentes!!! 

Ser uma família, casada ou não no papel, independe de sexo, ou isso que prova uma União Estável? Se for assim, o judiciário vai se transformar em um "canal para adultos" profissional com atas notarial de cair o queixo!

Outra: Rose só assinaria algo em 2011? Detalhe: contrato nesse teor com firma por semelhança, pelo que vi por aí!?

Tá faltando peça nesse 'quebra cabeça'. 

#vejamos