• Fernanda Alves

Gilberto Braga morre aos 75 anos

Criador de vilões inesquecíveis, como Odete Roitman, novelista foi um dos maiores nomes da teledramaturgia brasileira. Segundo sobrinho, autor estava internado desde 22 de outubro após perfuração no esôfago e teve quadro de infecção generalizada.


Autor de novelas clássicas da TV brasileira como "Dancin' Days" (1978), "Vale Tudo" (1988) e "Celebridade" (2003), e criador de vilões inesquecíveis, Gilberto Braga morreu nesta terça-feira (26), aos 75 anos, no Rio.



Gilberto Braga. Foto: Reprodução Internet

O sobrinho do autor Bernardo Araújo disse ao G1, que o tio estava internado desde sexta-feira (22) e sofreu uma septicemia. Braga estava no Hospital Copa Star, em Copacabana, na Zona Sul do Rio.


De acordo com Bernardo, o tio "vinha há alguns anos com vários problemas de saúde e passou por uma cirurgia na coluna, uma no coração e uma hidrocefalia", além de já apresentar dificuldades para andar.

"Aí ele acabou indo para o hospital na semana passada. Ele foi internado já bem mal, e lá foi constatada uma infecção generalizada", explicou.


Gilberto era casado com o decorador Edgar Moura Brasil, companheiro dele por quase 50 anos.